Profissão vidraceiro: saiba quais as habilidades esperadas deste profissional

Atualmente existem muitas profissões disponíveis no mercado para que os jovens possam ingressar e escolher aquelas que possuem mais afinidade ou aptidão.

Uma delas é poder realizar um curso profissionalizante e exercer a profissão vidraceiro ou através do aprendizado com a experiência de outros vidraceiros. 

Sem dúvida, é um profissional disputado por toda vidraçaria de credibilidade o que é essencial no segmento de vidros.

Ser um vidraceiro é uma profissão extremamente importante para aquelas pessoas que possuem residências ou imóveis empresariais, pois periodicamente você precisa dar manutenção em janelas e portas de vidro ou até de acordo com o seu desejo de reformar ambientes e pode acabar te garantindo uma boa remuneração. 

Confira neste artigo o que é necessário para se tornar um vidraceiro profissional, a remuneração ofertada e se é para você!

Profissão vidraceiro: o que é? 

Exercer a profissão vidraceiro é algo extremamente importante para aquelas pessoas que possuem residências ou imóveis empresariais, pois periodicamente você precisa dar manutenção em janelas e portas de vidro ou até de acordo com o seu desejo de reformar ambientes. 

O vidraceiro profissional pode confeccionar, cortar vidro conforme dimensões, retirar objetos de vidro, instalar e fornecer materiais. 

Os vidros impedem que o ambiente externo acabe influenciando no ambiente interno do imóvel, protegendo de mudanças climáticas, animais, sujeira, etc.

Dessa forma, esses itens acabam não atingindo a parte interna do imóvel. 

O profissional deve ter uma boa capacidade analítica e de comunicação para identificar as necessidades de seus clientes e traçar o melhor curso de ação com relação aos riscos e material que deve ser utilizado naquela solicitação, pensando sempre no melhor orçamento e segurança.

Como ser um vidraceiro?

Muitas pessoas acabam se tornando um vidraceiro por influência familiar, principalmente para pessoas que possuem uma empresa de vidraçaria. 

Muitos profissionais do mercado atualmente aprenderam a profissão de maneira antiga: observando e aprendendo com outros vidraceiros em todas as funções. 

Porém, atualmente existem maneiras melhores de se especializar, pois, no mercado há diversos cursos profissionalizantes voltados para a área.

Portanto, mesmo você que não conhece ninguém do ramo de empresas de vidraçaria e não tenha experiência na área, poderá ingressar neste mercado. 

Profissão vidraceiro – Reprodução

Habilidades

Para exercer a profissão vidraceiro é preciso ter várias habilidades e está cada vez mais difícil encontrar um bom profissional que seja competente. 

O vidro está cada vez mais sendo considerado um material indispensável para diversos nichos sociais e encontrar uma boa loja e um bom vidraceiro está cada vez mais raro.

Da mesma forma é difícil encontrar cursos de capacitação e quando se encontra, muitos deles não são tão acessíveis seja pelo local de realização do curso ou pelo valor cobrado pelas instituições de ensino. 

O mercado de construção e arquitetura é um dos que mesmo com a pandemia vem crescendo e são os que mais utilizam o vidro em suas composições seja para janelas, portas como para decoração como mesas, espelhos e muito mais. 

Atualmente existem diversos tipos de vidro que podem garantir inclusive beleza estética com segurança até redução de consumo de energia elétrica quando utilizado para acabamentos.  

Qualificação profissional

Em 2020, a ABNT realizou a publicação de diversas diretrizes para que os profissionais que desejarem exercer a profissão vidraceiro possam se orientar.

A NBR 16823 estipula diretrizes e requisitos que um bom profissional deve ter além de classificar suas competências, conhecimento e grau de escolaridade, técnicas, condições de trabalho, ferramentas, materiais necessários, dentre outros.

Segundo a norma, o vidraceiro tem a responsabilidade tanto de instalar como dar manutenção em vidros e isso pode englobar diversos processos como vendas, medição, especificação, elaboração de orçamentos, realizar o transporte, armazenamento, inspeções e analisar os materiais. 

A forma como o vidraceiro irá atuar pode variar conforme a empresa que o emprega, assim como os serviços necessários.

Confira abaixo algumas das qualidades que um bom vidraceiro deve ter: 

  • Ser responsável

Para atuar na profissão vidraceiro, é preciso ter responsabilidade já que em sua maioria, as etapas para instalar uma estrutura com vidro passa por ele ou pelo seu time.

Por isso, é necessário ser responsável na realização de medições, ter certeza qual o melhor vindo a ser utilizado para cada aplicação, saber transportá-lo e armazená-lo com seriedade e instalá-los corretamente para que acabam não gerando prejuízos e desperdícios para empresa.

  • Conhecimento

Para realizar seu trabalho de forma responsável é preciso que ao assumir a profissão vidraceiro, o profissional acumule conhecimento. 

A norma regulamentadora da ABNT descreve quais os conhecimentos necessários a um vidraceiro para que ele desempenhe seu trabalho de forma competente e responsável. 

O profissional poderá adquirir sua experiência tanto através de cursos como já no mercado de trabalho e dependendo da função é necessário cumprir alguns pré-requisitos como ter ensino médio completo e cursos de especialização na área de vidros como é o caso dos especificadores.

Vidraceiro – Reprodução

Competências

O curso para se tornar um vidraceiro incluem disciplinas teóricas para lidar com áreas de segurança do trabalho (como evitar acidentes e como proceder caso haja algum);

  • análise de riscos;
  • equipamentos de proteção individual e equipamentos de proteção coletiva;
  • normas e procedimentos;
  • figuras planas;
  • meio ambiente;
  • planejamento (definição, etapas, níveis, cronograma de execução da instalação, organização e controle);
  • disciplinas práticas como técnicas de medição;
  • esquadrias;
  • técnicas de instalação;
  • processos de vidraçaria em materiais laminados e temperados; processo de vidraçaria em vidros comuns.

A ABNT ainda classifica as competências como um fator que qualquer vidraceiro deve ter como:

  • Vendedor: responsabilidade de venda, estudo e exposição de dados para elaborar propostas comerciais;  
  • Especificador: categoria de vidraceiro que determina vidros corretos e componentes mais indicados para manter a obra nas normas da ABNT.
  • Transportador: melhor forma de definir como ocorrerá o transporte do vidro e dos outros materiais até o local de instalação;
  • Instalador: Responsável pela instalação e manutenção do vidro, sempre submetendo toda a instalação às normas da ABNT.

Qual a média salarial?

Os salários para vidraceiro podem variar. 

Existe um piso mínimo salarial acordado coletivamente em 2021, ou seja, nenhum vidraceiro no Brasil pode receber menos de R$1390,86. 

Porém, existem estados do Brasil e outras empresas que podem pagar mais do que isso dependendo da sua profissionalização e especialização.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *