Como se preparar para as provas ESA

Prova da ESA como se preparar? Um bom plano de estudos é essencial para qualquer atividade. No entanto, para concursos da ESA, como outras competições militares, as etapas incluem processos que também requerem atenção. 

Portanto, na sequência, você encontra cinco dicas para aumentar suas chances de ingressar na instituição e se preparar para a etapa mais importante.

Além disso, é necessário entender o que é ESA e o que esperar do processo de seleção. Veja mais detalhes sobre as forças armadas!

O que é a ESA?

Mais importante ainda, conhecer a agência pode ajudá-lo a se preparar melhor para todas as fases do concurso da ESA.

Portanto, a Escola de Sargentos das Armas visa formar sargentos profissionais com diversas especializações, inclui:

  • topografia;
  • comunicação;
  • saúde;
  • infantaria;
  • cavalaria;
  • material de guerra e assim por diante.

A agência possui três unidades, uma no Rio de Janeiro, outra em Minas Gerais e uma em São Paulo.

Etapas do concurso da ESA

Em segundo lugar, você deve sempre ler o aviso com atenção e verificar os requisitos para participar do concurso ESA. 

No entanto, uma das questões mais importantes é entender as fases eliminatórias e de qualificação durante o período de avaliação. Então, eles são:

  • Avaliação de títulos;
  • Exame de Aptidão Física Definitivo (EAFD);
  • Exame físico preliminar (EAPP);
  • Identificação de candidatos autodeclarados pardos ou pretos;
  • Inspeção de Saúde;
  • Prova discursiva e objetiva;
  • Revisão médica;
  • Teste de habilidades musicais (área musical);
  • Verifique os requisitos biográficos.

Assim, com este conhecimento, fica claro que, ao longo do concurso da ESA, os candidatos precisam de estar preparados para enfrentar dinâmicas diferentes.

O mais importante é o exame físico e mental. Portanto, as dicas a seguir se concentram nessas duas etapas.

Seis dicas para se preparar para os concursos da ESA

Agora, antes de entrar nas habilidades propriamente ditas, saiba que no teste de inteligência do concurso ESA, são cobradas as seguintes disciplinas, que são da natureza dos concursos eliminatórios e classificatórios:

  • Conhecimentos Específicos, descritos em edital, conforme a especialização desejada;
  • Geografia do Brasil;
  • História brasileira;
  • Língua inglesa;
  • Redação, geralmente ligada a atualidades;
  • Língua portuguesa;
  • Matemática.

Além disso, preste atenção aos requisitos do exame físico preliminar (EAPP), eliminatório:

  • Flexão de braços;
  • Abdominais supra;

Você está pronto para as dicas? A seguir verifique!

1. Acesse e faça provas anteriores

Um ponto importante na preparação para o concurso ESA é aceder a testes anteriores, respondê-los e conferir o seu nível de conhecimentos.

Como resultado, você poderá concentrar seus estudos nas disciplinas que considera mais difíceis e precisa melhorar seu desempenho. 

Claro, você não deverá deixar nenhum assunto de lado, mas quanto mais você prestar atenção àqueles com recursos insuficientes, maiores serão suas chances de ser aprovado.

2. Crie uma rotina de estudos para o concurso da ESA

Após começar a aprender, é hora de planejá-la. Essa é outra vantagem da Promilitares: ele desenvolveu um plano personalizado para você garantir a absorção do conteúdo.

Porém, se você deseja configurar seus eventos individualmente, faça uma planilha e insira seus eventos e o horário definido para cada evento a cada semana.

3. Defina seus horários de estudo e lazer

Agora que você pode controlar sua vida diária, é hora de determinar quanto tempo você tem disponível e quanto tempo você gastará aprendendo. 

Além disso, uma dica é: não é porque você vai limitar o seu horário de trabalho, por isso é necessário observá-lo rigorosamente.

No entanto, qualquer tempo extra poderá ser usado para revisar ou resolver exercícios.

Sono: não há regra para quantas horas precisamos descansar. Algumas pessoas precisam de oito horas de sono, enquanto outras cinco horas são suficientes para se refrescar. 

O método aqui é o “método de tentativa e erro”: se você ainda estiver com sono após essas oito horas de sono, tente dormir menos. 

Ao tentar, o aluno finalmente encontrou o equilíbrio e poderia desfrutar de mais matérias aprendidas no dia seguinte.

Lazer e descanso: já ouviu falar do termo “rato de academia”? Eles são aqueles que se exercitam constantemente e parecem estar na academia o tempo todo.

Entretanto, nesse ponto, você se tornou um “rato de biblioteca”? Além disso, muitos competidores desistiram completamente dos momentos de descanso e lazer, acreditando que precisam de 100% do tempo para se concentrar. 

Portanto, o problema é que isso deixará o cérebro cansado e incapaz de absorver todo o conteúdo aprendido. 

A mesma coisa acontece quando você está lendo um livro e percebe que não está prestando atenção e precisa voltar ao início. 

Divertir-se com a família no fim de semana, brincar com o cachorro ou assistir a um filme pode trazer um sentimento edificante para seus preparativos e ajudá-lo a aprender o conteúdo.

Você também pode definir sua meta de tempo de lazer incluindo um capítulo do curso ou alcançando “x” questões em uma simulação.

Professor dando Aula – Foto de RODNAE Productions no Pexels

4. Faça um curso preparatório online

Em quarto lugar, ao estudar online em uma instituição, você pode aproveitar melhor seu tempo livre para estudar.

Você ainda poderá acessar conteúdos exclusivos das competições da ESA, como vídeos e simulações, a partir do seu celular. 

Pode realizar acompanhamento exclusivo de professores profissionais quando necessário.

5. Prepare-se fisicamente para o concurso da ESA

Quinto, tão importante quanto se preparar para o exame é uma boa saúde. No entanto, lembre-se que você precisa passar em dois testes de aptidão antes de ingressar na instituição. 

Portanto, reserve um tempo para se exercitar todos os dias, principalmente para aqueles que você sabe que cobram por atividades.

Além disso, preste atenção à sua dieta, pois ela também afetará sua concentração, foco, capacidade de aprendizado e, claro, sua condição física.

6. Quais as matérias mais importantes?

Recomendamos um valor médio, por assim dizer, em função da quantidade de material e do peso cobrado no aviso correspondente.

Portanto, podemos prestar mais atenção aos temas que passam uma questão ou outra pode significar a diferença entre passar, ou reprovar. 

Para matérias de que não gostamos, uma dica é: o pensamento positivo poderá ajudar. Sério!

Em vez de pensar “Não gosto desta disciplina“, você poderá dizer “À medida que estudo, este curso se tornará cada vez mais interessante.”

Entretanto, com isso, nosso cérebro vai regular essas informações e não vai colocar barreiras ao conhecimento que não é o nosso assunto preferido.

Divisão do tempo: respondidas às questões sobre quais matérias merecem destaque, começamos a dividir o tempo disposto. Portanto, lembre-se: no cronograma, iremos fazer a separação por matéria. 

Os conteúdos serão por você controlados, mas deverá ser feito em uma folha de caderno ou mesmo em outra aba da planilha, assim você saberá sempre o que já foi estudado, o que ainda será estudado e o que revisar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *